como desenhar rosto

Como desenhar rosto – tutorial método Loomis parte 1

Já tentou desenhar um rosto humano e percebeu que o resultado era meio estranho, com olhos muito próximos da boca, ou ainda com um nariz meio esquisito, deslocado para um dos lados? Este post objetiva consertar de uma vez por todas essa dificuldade que muita gente tem, com destaque para desenhos de rostos em ângulos diferentes – olhando para baixo, olhando muito para um dos lados, ou para cima. Mesmo sendo só a primeira parte dessa série de posts, se você colocar em prática tudo o que está aqui, seus desenhos de rosto ficarão muito melhores. Garantido!

Introdução

O rosto humano segue algumas regras de proporção, possui certas características singulares, que podem ser melhor entendidas caso estudemos a anatomia do ser humano. Para fins artísticos, seria muito interessante estudar a anatomia a fundo, entender o formato de nossos ossos, especificamente o crânio e todos os ossinhos da cabeça, e dos músculos de nossa face, para fazer aquele desenho impecável de um rosto humano.

Tudo isso é muito interessante, porém é possível aprender a desenhar o rosto humano sem se aprofundar tanto nessas coisas. Na verdade, para desenhar qualquer coisa, tudo o que precisamos é entender as formas básicas envolvidas na figura que se quer desenhar, entender as proporções envolvidas e como a luz vai se comportar em cada caso, e então é só copiar a sua referência.

Caso você queira inventar um desenho, criar algo completamente tirado de sua imaginação, aí a história é um pouco diferente. Existem pessoas que desenham muito bem e tal, desde que tenham uma referência. Quando se trata de desenho livre, aí essa gente fica meio enrolada. O que ajuda nesse caso são técnicas e métodos, em minha opinião.

Neste post, falaremos do método de Andrew Loomis, um desenhista norte americano, para desenhar rosto. Haverão 9 passos a serem seguidos, todos muito fáceis usando formas básicas e linhas. Ao final, você terá o formato da cabeça de uma pessoa.

Em uma parte 2 deste artigo, colocaremos as orelhas, os olhos, a boca, as sobrancelhas e o cabelo no nosso desenho.

Desenhando sem referência

Eu estava outro dia conversando com um amigo que também gosta de desenhar – e desenha muito bem por sinal – e eis que eu falo para ele que eu gosto de realismo e coisas afins. O cara me responde dizendo que realismo é muito impressionante e da hora, mas que ele não gostava de copiar as referências usando métodos como o decalque ou a mesa de luz.

Para esse colega meu, o desenho é muito mais interessante e rico quando feito direto, no olho, cara crachá, ou ainda inventado, sem referência alguma. Foi aí que ele me apresentou o método de Loomis para desenhar algumas coisas, entre elas rostos. Eu nunca tinha me aprofundado em técnicas de desenho de rosto e conhecia poucos desenhistas importantes. Fiquei curioso e fui estudar um pouco sobre o tal de Loomis.

Um pouco sobre Andrew Loomis

Resumidamente, Andrew Loomis foi um desenhista norte-americano (de Nova York, por sinal) que foi ilustrador, além de professor de desenho. O cara escreveu alguns livros que ensinam como desenhar, dos quais destaco “Drawing the Head and Hands”, no qual dei uma olhada e asseguro, é bem interessante.

Muitos outros livros foram escritos pelo Loomis, e eu acredito que todos valem muito a pena de se ler. Só não li porque passo mais tempo desenhando do que lendo mesmo. De qualquer forma, você pode saber um pouco mais sobre Andrew Loomis neste link.

Como desenhar rosto – primeiro passo

Primeiramente, vamos estabelecer o que nós vamos desenhar aqui. O objetivo será desenhar uma cabeça virada para a esquerda, olhando levemente para cima. Deve ficar claro que este método serve para desenhar rostos em qualquer posição, mas achei legal dizer logo qual a posição que eu escolhi para o meu desenho. Estabelecido isso, vamos prosseguir.

Neste primeiro passo do método, você deve desenhar um círculo. Veja bem, nossa cabeça não é redonda: ela é oval, levemente achatada nas laterais. Desenharemos um círculo para representar nosso crânio, mas tenha em mente que nós vamos achatar e alongar ele um pouco depois. Olhe como está ficando o desenho:

metodo de loomis 1 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Eu sei, nada de demais até aqui. Repare que eu desenhei o círculo por parte, nunca um traço contínuo, sempre pequenos traços que, quando juntos, vão formar a imagem do círculo. Use um lápis H ou HB, bem de leve, sem marcar o papel, já que teremos que apagar isso depois.

Como desenhar rosto – segundo passo

Agora o que precisamos fazer é medir a altura de nosso círculo e dividi-lo em 6 partes iguais. Você pode dividi-lo ao meio primeiro, e a metade de cima você divide em três partes iguais, fazendo o mesmo com a metade de baixo depois (não precisa de régua, mas pode usar se quiser).

Feito isso, desenhe um esfera achatada dentro do círculo. Essa esfera ocupará 2/3 da altura da nossa esfera, conforme mostrado na figura.

metodo de loomis 2 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – terceiro passo

Neste ponto do desenho nós temos que desenhar um linha, que vai cortar o meio do círculo ovalado que fizemos no passo anterior. Essa linha deve indicar a inclinação da cabeça da pessoa, de forma que se ela estiver olhando para baixo, a linha deverá apontar para baixo, e se ela estiver olhando para cima, a linha deverá apontar para cima. Chamarei essa linha a partir de agora de linha da inclinação. Observe a imagem.

metodo de loomis 3 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – quarto passo

Devemos agora prolongar a linha da inclinação, até o final do nosso círculo. O traço deve fazer uma curva, seguindo a curvatura do próprio círculo. Em seguida, devemos fazer uma linha paralela a esta, partindo da base da forma ovalada dentro do círculo.

Observar a imagem é mais simples do que explicar com palavras. Observe:

metodo de loomis 4 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – quinto passo

Como quinto passo temos que fazer uma linha vertical dentro da forma ovalada dentro do nosso círculo. Essa linha vertical vai formar um sinal de + com a linha da inclinação.

Observe que, se a cabeça estiver reta, olhando para frente, a linha vertical vai ficar reta também. Caso a cabeça esteja olhando para baixo, a linha vertical ficará um pouco inclinada para baixo. Se a cabeça estiver olhando para cima, a linha vertical ficará inclinada para cima.

Olhe como está ficando nosso esboço de cabeça:

metodo de loomis 5 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – sexto passo

Agora devemos marcar onde ficará o queixo do nosso amigo. Para isso vamos fazer um pequeno traço horizontal, abaixo do círculo maior. Note que a distância entre as duas linhas paralelas se repete aqui. É como se fôssemos marcar uma terceira linha paralela.

Em seguida, devemos ligar o final da linha da inclinação até o local onde marcamos o queixo.

Se quisermos fazer uma pessoas caricata, com o queixo muito pontudo, é só descer essa marcação do queixo para baixo. Se quisermos fazer uma pessoa com queixo curto é só botar essa marcação para cima.

metodo de loomis 6 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – sétimo passo

Como sétimo passo devemos ligar nosso queixo à mandíbula. Para isso, fazemos um traço inclinado do lado da linha vertical, que se prolonga até sair ligeiramente de dentro do círculo maior, ligando depois à marcação do queixo.

Em seguida, faça uma linha curva que parte do centro do sinal de +, na lateral da cabeça, e vai até a ponta do queixo. Essa linha vai separar a lateral do rosto da parte da frente.

metodo de loomis 7 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Como desenhar rosto – oitavo passo

A forma de nosso rosto está quase pronta, mas ainda falta fazer alguns ajustes. Faça agora uma linha vertical que seguirá a curvatura do rosto, partindo do meio do queixo até o topo da cabeça. Como nossa cabeça é arredondada, essa linha será ligeiramente curva.

metodo de loomis 8 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Essa etapa é importante, porque a linha vertical que corta o queixo ao meio marcará a posição em que deveremos desenhar o nariz do nosso rosto. Isso vai ficar para a parte 2 deste passo a passo.

Como desenhar rosto – último passo

Agora, para finalizar o esboço do formato do rosto, devemos colocar um pescoço. Essa é uma parte fácil que não segue muitas regras, dependendo muito do bom senso do desenhista. Basicamente, você precisa fazer um traço logo abaixo do queixo e outro um pouco atrás do maxilar, logo abaixo de onde estaria a orelha.

Feito isso, você terá um pescoço e uma cabeça, prontos para receber seus adereços (nariz, olhos, boca, orelhas, cabelo, marcas e rugas).

metodo de loomis 9 - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Considerações sobre o método de Loomis

O método aqui descrito serve para esboçar cabeças de qualquer forma, em qualquer posição. Ao longo do artigo foi mostrado o desenvolvimento de um esboço somente, mas o método serve para fazer cabeças em inúmeras posições.

Ao esboçar o formato das cabeças em outras posições, você deve ficar atento às proporções de cada traço e figura, que deverão mudar. Uma cabeça totalmente de lado não vai apresentar a linha que divide o queixo em duas partes, por exemplo. Da mesma forma, uma cabeça totalmente de frente não apresentará o círculo ovalado, já que não veremos a lateral da cabeça.

O vídeo a seguir mostra exatamente o passo a passo descrito neste post. Observe bem como o desenhista faz os traços em cada etapa. O resultado é muito bom.

Apesar do vídeo estar em inglês, dá para se ter uma noção de como aplicar este método muito bem observando as imagens.

Você também irá perceber, depois de seguir esse passo a passo algumas vezes, que o nós acabamos por mecanizar as etapas deste método, de forma que com a prática começamos a pular algumas dessas etapas. Quando você se sentir seguro, vai perceber que algumas etapas não são necessárias em alguns casos, e aos poucos seu desenho vai ficando mais natural e menos “amarrado” a tantas regras e métricas. Quando isso acontecer, é sinal de que você evolui e se tornou um desenhista melhor 😉

Por fim, treine bastante esboçar cabeças em diversas posições usando a técnica de Loomis, conforme mostrado na imagem abaixo. Isso permitirá que você aprimore mais e mais sua habilidade artística.

como desenhar rostos usando o método de Loomis - Como desenhar rosto - tutorial método Loomis parte 1

Resumo

Neste post foi mostrado em 9 passos como esboçar um rosto usando o método do desenhista Andrew Loomis. Os passos consistiram em:

  • desenhar um círculo;
  • desenhar uma elipse dentro do círculo;
  • fazer a linha que indica a inclinação da cabeça;
  • prolongar a linha da inclinação, fazendo outra paralela a esta;
  • fazer uma linha vertical, criando um sinal de +, e desenhar o queixo do rosto;
  • desenhar o maxilar;
  • fazer linha vertical, indicando a região onde o nariz se encontrará;
  • terminar o esboço fazendo o pescoço.

Nem todos os passos precisam ser seguidos, dependendo da cabeça que se quer desenhar. O mais importante é entender o que cada etapa significa e simboliza, entender que podemos modificar as proporções dependendo do tipo de rosto que queremos desenhar, e compreender que devemos praticar sempre para desenvolver ao máximo nossas habilidades.

Neste post não foi mostrado como desenhar um rosto completamente de frente, visto que existem algumas outras regras de proporção que serão abordadas em outro post, que será a continuação deste. Pelo mesmo motivo, não foram colocados narizes/bocas/olhos/orelhas e cabelos neste post, visto que quero falar desses assuntos na continuação.

Até lá, treine todo dia, comente, compartilhe e desenhe 😉

1 comentário em “Como desenhar rosto – tutorial método Loomis parte 1”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Te ajudo a desenhar!